Conservação e Recuperação de 

Áreas Degradadas

A Recuperação de Áreas Degradadas está vinculada a restauração ecológica de um ecossistema, no qual tenha sofrido perdas tanto de fatores abióticos (como o solo, compostos inorgânicos, oxigênio, umidade, pH, dentre outros), quanto de fatores bióticos, que são constituídos por uma interação de organismos vivos como os vegetais e os animais.

Entende-se como áreas degradadas, áreas de mineração abandonadas, cursos d'água assoreados, depósitos de resíduos indústrias e urbanos, ausência ou diminuição da cobertura vegetal, solos com baixa fertilidade e com processos erosivos na superfície, áreas de encostas. 

Algumas formas de recuperação e conservação dessas áreas incluem, a revegetação, utilização do método de semeadura direta, controle da erosão a montante, correção da acidez do solo, introdução de espécies de leguminosas arbóreas e arbustivas e a dragagem dos sedimentos.

Tractor Rodas